segunda-feira, setembro 15

CHÁ COM TORRADAS #258

Curiosidades: Faltam 33 dias para as eleições regionais, e outro dos motivos de interesse desta campanha eleitoral está no 19.º, e último, Deputado a ser eleito pelo Círculo Eleitoral da Ilha de São Miguel. Na verdade, após a mão à palmatória de Artur Lima, confirmando a perspectiva de perda do Deputado do CDS/PP por aquele círculo, e como, mesmo num cenário de 50% abstenção, o número de votos necessários parece inantingível para os restantes pequenos partidos candidatos, resta-me saber se a lista do PS/Açores atingirá o 13.º Deputado ou se a lista PSD/Açores alcançará o seu 7.º Deputado. Para mais certezas deverão concorrer, na avaliação do eleitorado, uma putativa credibilidade na regeneração e representatividade da lista do PS/Açores contra a putativa credibilidade de uma lista do PSD/Açores que parece não querer representar mais do que uma fraude política resultante de uma sangrenta luta fratricida. Há quem diga que a disputa eleitoral em São Miguel terminou no próprio dia da apresentação das listas, no momento em que Berta Cabral, mais uma vez, assassina, politicamente, Costa Neves, em pleno átrio do Tribunal de Ponta Delgada, mas, perante a quase ausência de pré-campanha eleitoral na Ilha de São Miguel, eu prefiro aguardar mais uns dias...

3 comentários:

carlos silveira disse...

Sr.Marinho:

O PS terá no máximo 10 deputados;
O PSD 7;
O PDA 1
A CDU 1.

Dificilmente o PS terá maioria absoluta.E o grande culpado será a abstenção.Todo o eleitorado que tem alguma razão (económica, ideológica, pessoal ou conjuntural), vai mobilizar-se e votar contra o PS e até contra um ausente muito presente, o Sr.Sócrates.

No dia 19 falamos.
Boa noite.

Anónimo disse...

Epá! Com análises destas já nem vale a pena fazer eleições!

gm disse...

Pelo Contrário, Caro Anónimo das 12.52 PM, é fundamental fazer eleições, nem que seja para provar que o processo democrático não é feito de regra e esquadro...